Sarna Canina

Quem ama cuida. Esta frase tem efeito não só para nós humanos, mas também para os animais. Quem tem cachorro em casa e ama o bichinho de estimação que vê-lo sempre saudável e feliz, alguns problemas não são graves, mas merecem toda a nossa atenção, ainda mais quando são contagiosos que é o caso da Escabiose mais conhecida como Sarna Canina. Trata-se de uma doença parasitaria que afeta seres humanos e animais.

Esta doença é causada por um minúsculo parasita que geralmente não é visível a olho nu chamado de ácaro Sarcoptes scabie que se hospeda na pele do hospedeiro.

O cachorro vai apresentar uma coceira intensa que começa no período da manhã se estende a tarde e a na noite aumenta muito a intensidade da coceira. Também vai apresentar algumas lesões que é chamada de Alopecia, que é a queda de pelos, em certas regiões como o cotovelo, calcanhar, abdômen, a pele pode ficar espessa principalmente na orelha.

coceira

Se ele estiver com a infecção poderá passar para humanos e outros cachorros que estiver em contato, por isso o melhor a fazer é levar o animal ao veterinário. Como é transmitida por contato direto, sempre que o dono tocar no animal, lençol, toalha, ele pode estar adquirindo, se contaminando, com esse ácaro.


Para ter certeza que o cachorro está com sarna, ele deve ser levado ao dermatologista veterinário, que vai solicitar uns exames e juntamente com os sinais físicos ele vai chegar a um diagnóstico.

Depois do diagnóstico ser confirmado é hora de tratar o animal, que é a base de antiparasitário, utiliza-se também antibióticos que são para tratar as infecções secundárias. Alguns cuidados são fundamentais para que a sarna do cachorro não passe para seus donos ou pessoas que mantém contato direto com o animal, como fazer a higienização adequada e fazer o mesmo tratamento.

Se o dono também for infectado, tem que se tratar, pois de nada adianta curar somente o cão, se quem cuida dele está com o parasita. O dono  além de enviar o cachorro para o veterinário, é obrigado a ir em um dermatologista  pra se tratar também.

sarna canina

Sintomas da sarna canina

  • O sintoma mais óbvio é a falta de cabelo que você vê em seu animal de estimação uma vez que está infectado com sarna.
  • Apresenta vermelhidão na área.
  • A Sarna canina também provoca inflamação da zona infectada. Pode ser que o seu cão comece a fazer um  mau cheiro por causa da sarna.
  • Coceiras de forma desesperada na mesma área várias vezes ao dia.

Se você ver seu cão tem algum desses sintomas, vá imediatamente a um veterinário para dar tratamento específico e fazer um monitor especial à evolução da doença. Este artigo é apenas para informação, não temos poder de prescrever qualquer tratamento veterinário ou realizar qualquer diagnóstico. Nós convidamos você a levar seu animal ao veterinário se houver qualquer tipo de condição ou desconforto.


Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *